20161017-mj-medu-juventude_opt-2

Portugal: Justiça para tod@s e vidas ubuntu são «iniciativas que aproximam os cidadãos à justiça, sobretudo os mais jovens»

Portugal / 19 de octubre de 2016 / Fuente: http://www.portugal.gov.pt/

«Estes dois projetos constituem exemplos claros de iniciativas que aproximam os cidadãos à Justiça, mas que também, simultaneamente, trazem os valores da Justiça para junto dos Cidadãos – sobretudo, os mais jovens», afirmou a Ministra da Justiça.

Francisca Van Dunem, referia-se aos projetos Justiça para Tod@s e Vidas Ubuntu, na apresentação da sua edição para 2016/17 na Fundação Calouste Gulbenkian, em Lisboa, onde esteve ainda presente o Ministro da Educação, Tiago Brandão Rodrigues.

Acrescentando que os dois projetos abrangem mais de 7500 jovens, de 150 escolas, centros educativos e estabelecimentos prisionais de todo o País, a par de 400 professores, técnicos, juízes, advogados e psicólogos, a Ministra sublinhou que estas são «iniciativas verdadeiramente exemplares num modelo de ligação entre Estado e sociedade civil para a prossecução de uma ambição partilhada».

«Uma ambição de ajudar a promover uma cultura de valores democráticos e de respeito pela diversidade a partir da educação», afirmou Francisca Van Dunem.

Educação e cidadania

O Ministro da Educação realçou que, «nesta ação conjunta, várias entidades dão as mãos para mostrar a todos como jamais seria possível dirigirmos como povo um Estado de Direito sem que nos seus alicerces estejam a Educação, a Justiça, o Direito e a Humanidade como algo inabdicável à condição cidadão».

«Os projetos Justiça para Tod@s e Vidas Ubuntu são dirigidas aos mais novos, de forma a educá-los para estes alicerces e para a cidadania, de molde a que dure toda uma vida», acrescentou Tiago Brandão Rodrigues.

Justiça para Tod@s é um projeto destinado a jovens dos 12 aos 25 anos que visa promover os valores democráticos através de workshops e jogos. Tendo como parceiro o Centro de Estudos Judiciários, este projeto vai simular 300 julgamentos, permitindo aos jovens que se coloquem de ambos os lados das partes envolvidas. Os casos apresentados são reais, para sensibilizar o público-alvo para temas em que esteja em causa a salvaguarda de valores essenciais.

Vidas Ubuntu é um programa de apresentação de histórias de vida contadas na primeira pessoa. Destinado a jovens dos 14 aos 25 anos provenientes, na sua maioria, de contextos vulneráveis, este projeto visa valorizar as raízes sociais/culturais dos envolvidos e reforçar a sua autoestima e a autoconfiança.

Fuente noticia: http://www.portugal.gov.pt/pt/ministerios/medu/noticias/20161017-medu-mj-juventude.aspx

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos necesarios están marcados *