http://www.odemocratagb.com/ministerio-introduz-educacao-ambiental-no-programa-de-ensino/

Sensibilizar os alunos sobre a gestão dos resíduos sólidos

Ministério introduz “educação ambiental” no programa de ensino

Resumo: Decreto de implementación dentro del currículo escolar de la “educación ambiental”, dicha iniciativa arrancara con un piloto de 20 escuelas públicas.

O ministério da Educação Nacional comprometeu-se incluir no currículo escolar a disciplina “educação ambiental. O engajamento do ministério da Educação está expresso no memorando rubricado hoje, 12 de janeiro 2016, com a Câmara Municipal de Bissau (CMB), em que na primeira fase, estão identificadas 20 escolas públicas [ensino básico unificado e liceus] da cidade de Bissau.

O referido memorando enquadra-se no âmbito do projecto de Gestão dos Resíduos Sólidos Urbanos na Cidade de Bissau (GRSU-Bissau). De acordo com o documento, o Ministerio vai apresentar, avaliar e aprovar conjuntamente com a edilidade de Bissau, até 30 de Janeiro do ano em currso, a lista nominal de 20 professores que irão, de forma voluntária, facilitar a execução das actividades durante toda a sua implementação durante 6 meses.

A titular da pasta da Educação Nacional, Maria Odete da Costa Soares Semedo considerou que o memorando ora assinado facilitará ao ministério que dirige a tarefa de formar e educar para a educação ambiental. Revelou que já está em curso uma formação dos diretores, coordenadores e professores das escolas da Região de Quínara nesta matéria.

“Lixo faz parte da nossa vida temos que aprender como lidar com ele, e se não o sabermos fazer ele se transforma em veneno dentro das nossas casas.”

Para o presidente da Câmara Municipal de Bissau, Adriano Gomes Fereira, o documento assinado facilitará a emplementação da ideia de que “a cidade mais limpa é aquela que menos se suja”. Defendendo que esta consciência
cidadã deve começar nas escolas, onde se aprende os primeiros passos da vida e a forma de estar na sociedade.

Guiné-Bissau/Enero 2016/ Fuente : O Democrata . Autor: Alcene Sidibé Link: www.odemocratagb.com

Editora: Keyla Isabel Cañizales

Comparte este contenido:

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *